Plataforma Organizacional

DOSSIÊ A PLATAFORMA ORGANIZACIONAL

O MAIOR DEBATE HISTÓRICO SOBRE A QUESTÃO
DA ORGANIZAÇÃO ANARQUISTA

Organização: Felipe Corrêa

 

 

Apresentação

A questão da organização tem sido objeto de discussão e polêmica permanente entre os anarquistas. Se é verdade que, desde um ponto de vista histórico, houve uma minoria contrária à organização, a maior parte dos anarquistas, entretanto, sustentou a necessidade de organização, especialmente no nível de massas e relacionada aos sindicatos de intenção revolucionária. Parte desta polêmica organizativa envolveu também a questão da organização específica anarquista.

Neste dossiê, o ITHA disponibiliza ao público as intervenções no debate em torno da “Plataforma Organizacional da União Geral dos Anarquistas” (Dielo Truda, 1926), o qual, entendemos, foi o maior debate da história do anarquismo acerca da questão organizativa em geral, e da organização específica anarquista em particular. Estendendo-se de 1923 ao início dos anos 1930, essa discussão crítica envolveu distintos e renomados anarquistas, dentre os quais se encontram: Piotr Arshinov, Nestor Makhno (e, ao menos indiretamente, outros autores da Plataforma como Ida Mett, Jean Walecki e Maxime Ranko), Errico Malatesta, Volin, Luigi Fabbri, Camilo Berneri, Sébastien Faure, Maria Isidin, G. P. Maximoff.

Nesse debate, ao passo que os membros de Dielo Truda explicavam e aprofundavam as linhas da Plataforma, outros anarquistas a criticavam (alguns veementemente); no curso da discussão formalizaram-se teoricamente posições que vigoravam nas práticas e nos debates dos anarquistas, sendo os dois documentos homônimos, “A Síntese Anarquista” (Faure, 1928; Volin, 1934), os mais significativos, e que se colocarão historicamente como alternativas à Plataforma.

Não havia sido ainda publicada uma compilação exaustiva de todo esse debate. Por isso mesmo, o presente conjunto de textos deve ser considerado uma primeira contribuição, que pode e deve ser complementada. Pedimos aos leitores que nos informem diretamente caso conheçam outros textos históricos que fizeram parte deste debate. Sendo possível, no futuro, trabalharemos nas traduções dos textos que não estão em português.

Boa leitura!

 

 

 

A MAKHNOVITCHINA E O ANARQUISMO
Piotr Arshinov, História do Movimento Makhnovista, 1923

[port (tradução revisada)]

 

ANARQUISMO E NOSSOS TEMPOS
Nestor Makhno, Dielo Truda nº 4, setembro de 1925

[port (tradução revisada)]

 

NOSSA ORGANIZAÇÃO
Nestor Makhno, Dielo Truda nº 6, novembro de 1925

[port (tradução revisada)]

 

SOBRE A DISCIPLINA REVOLUCIONÁRIA
Nestor Makhno, Dielo Truda nºs 7 e 8, dezembro de 1925, janeiro de 1926

[port (tradução revisada)]

 

O PROBLEMA ORGANIZACIONAL E A IDEIA DE SÍNTESE
Grupo de Anarquistas Russos no Estrangeiro, Dielo Truda nº 10, março de 1926
[port]

 

A PLATAFORMA ORGANIZACIONAL DA UNIÃO GERAL DOS ANARQUISTAS
Grupo de Anarquistas Russos no Estrangeiro, Dielo Truda, nºs 13, 14, 15 e 16, junho-julho e agosto de 1926

[port (nova tradução)]

 

SUPLEMENTO À PLATAFORMA ORGANIZACIONAL
Grupo de Anarquistas Russos no Estrangeiro, Dielo Truda, 2 de novembro de 1926
[port]

 

RESPOSTA À PLATAFORMA (SINTETISTA)
Alguns Anarquistas Russos (Sobol, Schwartz, Steimer, Volin, Lia, Roman, Ervantian, Fleshin), 1927

[eng]

 

RESPOSTA DE PENSIERO E VOLUNTÀ AO CONVITE PARA INTEGRAR A FEDERAÇÃO INTERNACIONAL ANARQUISTA COMUNISTA
Luigi Fabbri, Camilo Berneri, Ugo Fedeli, 1927
[eng]

 

SOBRE A DEFESA DA REVOLUÇÃO
Nestor Makhno, Dielo Truda nº 25, junho de 1927

[port]

 

RESPOSTA AOS CONFUSIONISTAS DO ANARQUISMO [inédito em português]
Grupo de Anarquistas Russos no Estrangeiro, 18 de agosto de 1927
[port]

 

SOBRE UM PROJETO DE ORGANIZAÇÃO ANARQUISTA
Luigi Fabbri, Il Martello, 17/24 de setembro de 1927
[eng]

 

UM PROJETO DE ORGANIZAÇÃO ANARQUISTA (OU ANARQUISMO E ORGANIZAÇÃO)
Errico Malatesta, Il Risveglio, outubro de 1927
[port]

 

A PLATAFORMA
Camilo Berneri, Lotta Umana nº 5, 3 de dezembro de 1927
[port]

 

RESPOSTA A “UM PROJETO DE ORGANIZAÇÃO ANARQUISTA”
Nestor Makhno, 1928; publicada em Il Risveglio, 4 de dezembro de 1929
[port (tradução revisada)]

 

A SÍNTESE ANARQUISTA
Sébastien Faure, 1928
[port]

 

A ORGANIZAÇÃO “NABAT” NA UCRÂNIA (1919-1920) [inédito em português]
Um Nabatoviano, Dielo Truda nº 32, janeiro de 1928
[port]

 

ORGANIZAÇÃO E PARTIDO [inédito em português]
Maria Isidin, Plus Loin nºs 36-37, março e abril de 1928
[port]

 

O ANTIGO E O NOVO NO ANARQUISMO (RESPOSTA A ERRICO MALATESTA)
Piotr Arshinov, Dielo Truda nº 36, maio de 1928
[port (nova tradução)]

 

NOVOS E ANTIGOS ELEMENTOS NO ANARQUISMO (RESPOSTA A MARIA ISIDIN) [inédito em português]
Piotr Arshinov, Dielo Truda nºs 30-31, novembro e dezembro de 1928
[port]

 

RESPOSTA DE MALATESTA A MAKHNO
Errico Malatesta, Il Risveglio, dezembro de 1929
[port]

 

MANIFESTO ANARQUISTA COMUNISTA
Seção Italiana, Federação Internacional Anarquista Comunista
[eng]

 

ANARQUISMO CONSTRUTIVO
Grigori P. Maximoff, Golos Truzhenika, 1930
[port]

 

AO CONGRESSO DA UNIÃO ANARQUISTA COMUNISTA REVOLUCIONÁRIA
Nestor Makhno, 1930
[ita]

 

A PROPÓSITO DA RESPONSABILIDADE COLETIVA
Errico Malatesta, Studi Sociali, 10 de julho de 1930 [Escrito entre março e abril de 1930]
[port]

 

AINDA SOBRE A “RESPONSABILIDADE COLETIVA” (RESPOSTA A ERRICO MALATESTA)
Grupo do 18º da União Anarquista Comunista Revolucionária, Le Libertaire nº 252, 19 de abril de 1930
[ita]

 

UMA SEGUNDA CARTA A MALATESTA
Nestor Makhno, Le Libertaire, 9 de agosto de 1930
[port]

 

A SÍNTESE ANARQUISTA
Volin, L’Encyclopédie Anarchiste, 1934
[port]

Advertisements
%d bloggers like this: