Felipe Corrêa e Rafael Viana da Silva. “Bakunin, Malatesta e o Debate da Plataforma”

itha teoriaFelipe Corrêa e Rafael Viana da Silva. “Bakunin, Malatesta e o Debate da Plataforma: a questão da organização política anarquista”

Nesse artigo, os autores realizam uma discussão da organização política anarquista. Partem das contribuições relativas ao tema de Mikhail Bakunin e Errico Malatesta mostrando que há similaridades entre elas e a da Plataforma Organizacional da União Geral dos Anarquistas. Conforme apontam, Bakunin constitui a base teórica da Plataforma e Malatesta possui posições que alguma vezes aproximam-se dela e outras da Síntese Anarquista. Consideram, assim, que nenhuma das posições em questão pode ser coerentemente inscrita no campo do marxismo/bolchevismo ou de um suposto “anarcobolchevismo”. Os autores analisam o debate entre Malatesta e Nestor Makhno sobre a Plataforma mostrando onde, realmente, estão as divergências entre ambos. Por meio de uma reflexão histórica do impacto da Plataforma, demonstram como as críticas estabelecidas nos anos 1920, em grande medida realizadas por leituras ideologizadas, somadas a duas experiências práticas dos anos 1950 e a hegemonia francesa na discussão do tema, vêm pautando erroneamente o debate.

* Baixe o artigo completo aqui: Felipe Corrêa e Rafael Viana da Silva – Bakunin, Malatesta e o Debate da Plataforma

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: