Nota Esta plataforma foi discutida e adotada durante uma reunião sediada em Marselha em 11 de Julho de 1971. Ela foi convocada pelo Mouvement Communiste Libertaire [MCL, Movimento Comunista Libertário], fundado por grupos e indivíduos a maioria dos quais saídos da antiga Federation Communiste Libertaire [FCL, Federação Comunista Libertária], a Jeunesse Anarchiste Communiste [JAC, Juventude […]

A Faísca Publicações Libertárias — uma editora anarquista sem fins lucrativos com mais de 40 títulos publicados (http://editorafaisca.net/) — e o Instituto de Teoria e História Anarquista (ITHA) — um instituto de pesquisa do anarquismo independente, sem quaisquer tipo de financiamentos públicos ou privados, com membros de vários países e 8 anos de existência (https://ithanarquista.wordpress.com/) […]

CNT-FAI. Agrupamento de Trabalhadores Os Amigos de Durruti Manifesto distribuído em 8 de maio de 1937   A provocação da contra-revolução O assalto a Telefônica foi o toque de clarim das forças contra-revolucionárias. Foi o começo de um ataque de fundo contra a classe trabalhadora. A encruzilhada histórica que assinalamos de uma maneira clara e […]

Anarquismo, militarismo e guerra civil Como os anarquistas acreditam que os patrões resistirão à uma revolução, decorre que nós aceitamos a necessidade de uma força armada para defender a revolução. Mas os anarquistas também se opõem ao militarismo, que inclui exércitos permanentes controlados pelo Estado com oficiais que tenham privilégios especiais como ração adicional, alojamentos […]

Rafael V. da Silva. A prática de luta armada da Organización Popular Revolucionária – 33 Orientales no Uruguai (1968-1972).   O presente artigo pretende analisar a formação, concepção e o acionar armado da Organización Popular Revolucionária – 33 Orientales (OPR-33), braço armado da Federación Anarquista Uruguaya, que atuou principalmente em solo uruguaio e posteriormente foi […]